Bento XVI estará presente na abertura da Porta Santa

POSTADO EM 06 de Dezembro de 2015

Cidade do Vaticano (RV) - O Papa emérito Bento XVI aceitou o convite do Papa Francisco para a cerimônia de abertura da Porta Santa. Portanto, estará presente no adro da Basílica de São Pedro para o rito de abertura na manhã do próximo dia 8, Solenidade da Imaculada Conceição e início do Ano Santo da Misericórdia.

Nestas últimas semanas, o Papa Francisco citou várias vezes Bento XVI sobre a relação entre misericórdia e verdade. Em particular, no início do Sínodo sobre a Família recordou que “a Igreja é chamada a viver a sua missão na verdade que não muda segundo as modas passageiras ou opiniões dominantes. A verdade que protege o ser humano e a humanidade das tentações do ego e do transformar o amor fecundo em  egoísmo estéril, a união fiel em relações temporárias”. 

Ele citou diretamente Bento XVI que afirma na Caritas in veritate: “Sem verdade, a caridade cai no sentimentalismo. O amor torna-se um invólucro vazio, que se pode encher arbitrariamente. É o risco fatal do amor numa cultura sem verdade”.

Depois na conclusão do sínodo, repropôs ainda Bento XVI quando afirmou: “A misericórdia é uma realidade, o núcleo central da mensagem do Evangelho. É o próprio nome de Deus.”

Anunciando o Jubileu Extraordinário da Misericórdia em 13 de março, o Papa Francisco disse: ”Queridos irmãos e irmãs, pensei muitas vezes em como a Igreja pode tornar mais evidente a sua missão de ser testemunha da Misericórdia. É um caminho que começa com uma conversão espiritual. Por isso, decidi convocar um Jubileu Extraordinário que tenha no centro a misericórdia de Deus”. (MJ)
 

(from Vatican Radio)

© Copyright 2018. Desenvolvido por Cúria Online do Brasil